Menu Papel POP

Entrevista com Ally Brooke: inspiração em Beyoncé e Gaga, infos sobre novo álbum e amor pelo Brasil <3

A cantora Ally Brooke lançou há algumas semanas o single “Low Key”, que é uma parceria com o rapper Tyga, junto com um clipe BEM o que a gente espera de um bom clipe pop. Dá uma olhadinha:

Em entrevista por telefone ao Papelpop, ela contou mais sobre os próximos passos da carreira pós-Fifth Harmony, álbum e relação com o Brasil. Confere aqui:

 

Tenho ouvido “Low Key” e é ótima! O clipe também é muito divertido. Como foi o processo de criação, tanto da música quanto do vídeo?

Muito obrigada! Significa demais. Basicamente eu amei a música assim que eu a ouvi. A gente terminou de gravar e logo já fez o clipe também. Nele, pra ter certeza de que tudo ficaria perfeito, me inspirei em Beyoncé, Lady Gaga, Britney e Jennifer Lopez. Eu queria me mostrar como alguém que sabe entreter, performando e dançando!

E a faixa é bem baseada em sons mais… latinos, né? Seu pai é mexicano, certo? Pra você, essa referência ter a ver com manter um legado cultural ou algo assim?

Sim, tenho dupla nacionalidade, entre México e Estados Unidos. Os produtores da faixa fizeram um trabalho sensacional em adicionar esses elementos do meu passado nos sons!

Incrível! E você tem o sonho de colaborar com algum artista latino?
Sim! Eu amaria colaborar com Ozuna, Cardi B, Daddy Yankee. Acho que seria fantástico, porque eles são muito talentosos, fazem música incrível e me inspiram atualmente 

Demais. E você conhece a Anitta?

Meu Deus, sim! Eu amo ela! Escutei a música dela com minha amiga Sofia Reyes e acho sensaiconal. Eu acharia sensacional fazer uma música com ela. Adoro o jeito dela, a confiança, atitude,  como ela se diverte sempre… Ainda não conheci ela pessoalmente, mas quero muito que isso aconteça logo!

Total! E talvez até possa acontecer no Brasil, né? Quando você pretende vir pra cá?

Ai, eu vou amar. Agora estou promovendo minha música pelos Estados Unidos, mas há planos para eu ir ao Brasil, sim, nos próximos meses!

Você já veio pra cá algumas vezes com Fifth Harmony. Tem alguma coisa daqui que foi mais especial?

Sim! Eu amo como todos os fãs são bem doidos, e sempre tem um monte de gente nos aeroportos, hotéis e amando a gente nos shows. E vai ser lindo se for assim na minha ida solo também!

Você está preparando um disco, certo? Como você descreveria as próximas músicas que a gente vai ouvir?

Estou muito animada, porque estou trabalhando no álbum deve sair na primavera (do Hemisfério Sul). A sonoridade é bem parecida com “Low Key”, misturada com sabores e vibes junto. Espero empoderar as pessoas que ouçam essas músicas, nas quais estarei trabalhando pelos próximos meses.

Poxa, que massa! Obrigado demais por este papo!

Imagina! É um prazer falar com vocês!

 

QUE FOFURA, gente! <3

 

Comentários

Topo