Menu Papel POP

Com vendas abaixo do esperado, Lily Allen perde contrato com agentes

MAIS SOBRE:

É triste de se dizer, mas a vendas de “No Shame” não estão indo bem. Lançado em junho de 2018, o álbum de Lily Allen só atingiu a oitava posição das paradas, quando era esperado ser o topo da lista pela cantora e seus agentes. Segundo o The Sun, o fato levou à agência de artistas IE: Music cancelar sua parceria com a artista.

Uma fonte afirmou que eles achavam que trabalhar com Lily seria uma combinação perfeita, mas ela provou o contrário. Além das baixas vendas de seu último projeto, “ela teve dificuldades de vender ingressos para sua turnê ‘No Shame’ nos Estados Unidos no ano passado, e cancelou duas datas, em Chicago e Minneapolis, devido a uma inflamação na garganta e cordas vocais.”

Após alguns desentendimentos finais, a IE: Music então tomou a decisão de terminar sua relação com a cantora. Ainda de acordo com o jornal, agora Lily estaria sendo gerenciada pelo DJ Seb, com quem ela já namorou.

O lançamento de “No Shame” é a segunda tentativa da cantora de retomar com todas as forças os topos das paradas depois de uma pausa na sua carreira em 2009. Antes disso, ela havia lançado o álbum “Sheezus”, em 2014.

Lembramos que Lily Allen virá ao Brasil para fazer um show no Cultura Inglesa Festival, no dia 9 de junho. Quem aí vai?

Comentários

Topo