Menu Papel POP

James Cameron, de Avatar e Titanic, diz que não conseguiria fazer Aquaman

Sabe aquela sensação que bate quando você não vai conseguir terminar uma tarefa quando te pedem? Ou até mesmo antes mesmo de começar? O diretor James Cameron sabe bem disso e disse em entrevista ao Yahoo! Entertainment que nunca conseguiria tomar frente de um filme como Aquaman.

Ele, que é responsável por produções como Avatar e Titanic, disse que Aquaman é divertido ao seu ver, mas que a falta de realismo o incomoda.

“Não conseguiria fazer esse filme, porque ele requer uma desconexão completamente sonhadora de qualquer questão física ou da realidade. Ele existe entre um mito grego e um conto de fadas”.

Ele foi ainda mais além sobre esse questionamento quanto ao uso das leis da física na hora de escrever as cenas de ação:

“As pessoas simplesmente aceleram embaixo d’água… elas se impulsionam mentalmente? Eu acho? Eu não sei. Mas é legal. Você aceita em seus próprios termos. Passei milhares de horas debaixo d’água e eu sou muito literal sobre minhas cenas subaquáticas. Precisa parecer real e enquanto eu posso apreciar esse filme eu não me identifico com ele porque não parece real.”

Com uma sequência confirmada para 2020 (e um spin-off saindo do papel), Aquaman bateu recentemente a marca de US$ 1 bilhão em arrecadação, tornando-se o primeiro filme da Warner desde Batman: O Cavaleiro das Trevas a atingir a cifra.

Com direção de James Wan, a produção se tornou rapidamente um sucesso e embolsou só nos Estados Unidos cerca de US$ 287 milhões. Assista ao trailer:

 

Comentários

Topo