Menu Papel POP

J.K. Rowling responde às críticas sobre a escolha “racista” da atriz que interpreta Nagini

Ai, gente… Parece que para os fãs a J.K. Rowling não acerta uma!

Depois da polêmica de escolher Johnny Depp para ser o vilão em Animais Fantásticos, e a autora ter defendido a permanência do ator, outra escolha de cast não agradou os fãs: a escolha da atriz de Nagini.

Um novo trailer de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald saiu ontem e foi revelado que Claudia Kim está interpretando Nagini em forma humana – anos antes de ela se tornar a cobra do Lord Voldemort e uma importante Horcrux.

Até aí tudo bem, mas muita gente está pensando como é problemático colocar uma atriz asiática no papel de uma mulher amaldiçoada que acaba se tornando a escrava de Voldemort.

A escritora Ellen Oh desabafou no Twitter:

“Tudo bem gostar de coisas problemáticas. Eu sou a primeira a dizer que Harry Potter me fez querer escrever livros para crianças. Mas também vamos falar sobre os problemas. Isso parece um problema.”

Continuou:

“Eu sinto que isso é um problema quando brancos querem diversificar suas histórias e não perguntam à pessoas de cor como fazer isso. Então eles não fazem conexão nenhuma entre Nagini e uma mulher asiática que posteriormente vira um pet de homem branco. Então eu vou dizer isso agora. Essa merda é racista.”

Mas não só ela pensou isto, várias outras pessoas continuaram essa ‘thread’.

“JK Rowling continua sendo uma grande racista, mas de alguma forma as pessoas tão usando o caso da Nagini (uma cobra com nome Hindu) ser uma mulher asiática submissa a o pior homem branco do universo para reclamar da falta de representatividade LGBTQ em Harry Potter”

Continua:

“Representatividade LGBT sempre ‘ganha’ a representatividade étnica, mas o fandom de HP é uma bagunça. Animais Fantásticos tem sido racista desde o começo, com apropriação nativo-americana, e fazem o filme no Harlem dos anos 1920 mas, de alguma forma, não incluem personagens negros.”

E, claro, JK respondeu às críticas:

Uma fã disse: “Ouça Joanne, nós entendemos, você não incluiu representatividade o suficiente quando escreveu os livros. Mas de repende fazer Nagini numa mulher coreana é um lixo. Representatividade como algo para ganhar mais pontos não é uma boa representação.”

E a autora respondeu: The Naga é uma cobra mística da mitologia Indonésia, daí o nome Nagini. Elas são às vezes descritas como seres com asas, ou metade humanos, metade cobras. Na Indonésia há vários grupos étnicos, como Javaneses e Chineses. Tenha um dia ótimo.”

Outra fã respondeu:

“O que isto tem a ver? Você repetidamente tenta voltar atrás na representatividade que nunca existiu nos seus livros, diminuindo as comunidades, e você está tentando tomar crédito por defender [as minorias] e a gente quer entender porque você acha que isso é apropriado.”

E aí o que acharam? Tudo ou nada a ver?

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald sai no dia 15 de Novembro.

Comentários

Topo