Menu Papel POP

Diretor James Gunn é demitido de “Guardiões da Galáxia” devido a tuítes polêmicos

Olha a treta!

O diretor de “Guardiões da Galáxia”, James Gunn, foi demitido pela Dsiney devido a comentários antigos envolvendo pedofilia e estupro que ele fez em seu Twitter.

Em um dos posts do diretor que vieram à tona diz: “Eu gosto quando menininhos me tocam no meu lugar esquisito”. Este e outros posts polêmicos foram apagados por Gunn.

Em nota divulgada para a imprensa, o presidente da Walt Disney Studios, Alan Horn, declarou:

“As atitudes e declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com os valores do estúdio, e nós rompemos nossa relação de negócios com ele.”

James publicou uma nota em que diz que aceita e entende a punição:

“Entendo e aceito as decisões de negócios tomadas hoje. Mesmo todos esses anos depois, aceito total responsabilidade pela forma com a qual me comportei na época. Minhas palavras de quase uma década atrás eram, naquela época, tentativas totalmente fracassadas e infelizes de serem provocativas. Eu me arrependo delas por anos desde então — não apenas porque eram estúpidas, nem um pouco engraçadas, extremamente insensíveis e certamente não provocativas como eu esperava, mas também porque elas não refletem a pessoa que sou hoje e que tenho sido por algum tempo.”

Comentários

Topo