Menu Papel POP

Cientista explica a ~biologia do Baby Groot

É isso que dá querer ficar explicando muita coisa dos filmes. Não bastasse ter feito boa parte da internet chorar essa semana, o diretor de “Guardiões da Galáxia“, James Gunn, chocou boa parte do mundo quando revelou que o Baby Groot, do Vol.2, é filho do Groot do Vol.1, que acabou morrendo naquela explosão.

Um monte de gente disse que pensava que seriam clones, que teriam as mesmas memórias… Mas James Gunn ficou irredutível: é filho e ele não tem lembrança nenhuma de nada.

Eis então que um cientista, James Wong, o @Botanygeek no twitter, resolveu explicar a BIOLOGIA do personagem. Em resumo: o Baby Groot é o resultado de uma reprodução assexuada chamada propagação vegetativa, o que significa que ele é, geneticamente, um clone perfeito do Groot, já que os filhos tem 50% do DNA de cada pai.

O cientista lembrou, então, que as plantas da Terra podem processar informações complexas sobre o mundo ao seu redor e armazená-las sem precisar de um órgão de armazenamento, como o cérebro dos animais.

Então se o Baby Groot é um broto, é provável que tenha as memórias do Groot! 😱

PELO MENOS, no fim da thread, o cientista ainda brinca que se você ficou bravo com o fato de alguém estar discutindo hipóteses sobre a exobiologia sobre um alienígena ficcional, “parabéns, você é ainda mais geek que eu”.

Ficaí a dica então. E a thread, pra você ler tudo cheio de GIFs, em inglês. :)

Comentários

Topo