Menu Papel POP

P!nk, Katy Perry e Charli XCX comentam fala do presidente do Grammy sobre falta de mulheres indicadas

A declaração do presidente do Grammy sobre o número baixo de mulheres indicadas e vencedoras na premiação pegou mal.

À Variety, Neil Portnow disse que as mulheres precisam se impor: “Eu acho que tem que começar com…mulheres que tenham a criatividade em suas almas e corações, que querem ser musicistas, que querem ser engenheiras, produtoras e querem fazer parte da indústria no nível executivo…Elas precisam se impor porque acho que elas seriam bem-vindas.

P!nk, por exemplo, ficou sabendo dessa história e publicou um texto respondendo o presidente:

“As mulheres na música não precisam se impor. Elas estão se impondo desde o começo. As mulheres dominaram a música neste ano. Estão arrasando, e a cada ano antes desse. Quando celebramos e honramos o talento e as conquistas das mulheres, e como elas se impõem todos os anos contra todas as expectativas, nós mostramos para a próxima geração de mulheres e garotas, de homens e garotos, o que significa ser igual e como é ser justo.”

Katy Perry concordou com a colega, retuitando o post e escrevendo:

“Outra mulher poderosa dando o exemplo. Todos nós temos a responsabilidade de apontar a falta absurda de igualidade em todos os lugares. Estou orgulhosa de todas as mulheres criando arte diante da resistência contínua.”

Outra cantora que comentou a declaração de Portnow foi Charli XCX:

“Que tal pisar na sua cara… as mulheres estão criando músicas incríveis hoje em dia, do que esse cara está falando?”

(via NME)

Comentários

Topo