Menu Papel POP

Até o diretor de “The Walking Dead” chorou com a futura morte da série

MAIS SOBRE:

ATENÇÃO! O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS SOBRE A OITAVA TEMPORADA DE “THE WALKING DEAD”

Greg Nicotero é o produtor executivo de “The Walking Dead” e dirigiu o episódio de retorno do hiato da série no dia 25 de fevereiro, o mesmo episódio que trará a morte de Carl (Chandler Riggs), que foi mordido por um zumbi.

Em entrevista à Entertainment Weekly, Greg Nicotero falou sobre a perda de um dos poucos membros originais que estão no elenco desde a primeira temporada. “Eu acho que é um dos episódios mais poderosos que já produzimos. Quando assisti ao primeiro corte deste episódio, as lágrimas estavam saindo dos meus olhos 20 minutos depois.”

O diretor compara o próximo episódio com o que vimos Tyreese (Chad L. Coleman) sendo mordido no início e observamos seus últimos momentos no decorrer da história. “Eu compararia muito este episódio ao episódio com Chad Coleman em termos de realmente ter algum espaço para esses personagens processarem o que aconteceu.”

Greg Nicotero disse que, mesmo depois de ter comandado vários episódios de despedida de personagens, nunca é fácil. “Porque você nunca pode realmente entender o que está passando. Nunca há nada que você possa dizer que fará com que eles se sintam melhor. Você realmente quer se certificar de que eles têm a oportunidade de mostrar às pessoas o que seu personagem fez. Eu realmente tento não ficar super emocional quando estamos filmando essas coisas.”

O produtor e diretor ainda mandou uma mensagem aos fãs que ficaram indignados com a morte do personagem. “É um lindo episódio e as pessoas que claramente estão chateadas com a perda de Carl e questionando aonde o show vai sem ele, eu realmente acredito que muitas pessoas vão deixar isso de lado quando assistirem a este episódio.”

Comentários

Topo