Menu Papel POP

“Ele não é o meu Luke Skywalker”, diz Mark Hamill sobre “Star Wars: Os Últimos Jedi”

Desde que “Star Wars: Os Últimos Jedi” estreou, as opiniões estão bem divididas. Uns dizem que o filme é muito bom, outros afirmam que alguns personagens ficaram descaracterizados — principalmente Luke Skywalker.

Mark Hamill, intérprete do herói, deu sua opinião sobre Skywalker e demonstrou não ter gostado muito de como ele foi escrito nesse filme: o fato de Luke não querer se envolver com o que diz respeito aos Jedi, como os trailers mostraram, e outras coisas mais detalhadas no longa (via Comic Book Movie).

“Eu disse para Rian [Johnson, diretor]: ‘Os Jedi não desistem.’ Mesmo se [Luke] tivesse um problema, ele talvez teria tirado um ano para melhorar. Mas se ele tivesse cometido um erro, ele tentaria corrigi-lo. Então logo aí nós tivemos uma diferença fundamental, mas a história não é mais minha. É a história de outra pessoa — e Rian precisava que eu fosse de um determinado jeito para tornar o final claro. Esse é o cerne do meu problema. Luke nunca diria isso. Desculpe. Bem, nessa versão… estou falando do ‘Star Wars’ de George Lucas. Essa é a próxima geração de ‘Star Wars’, então tive que ver Luke quase como se fosse um outro personagem. Talvez ele seja Jake Skywalker. Ele não é o meu Luke Skywalker, mas eu tive que fazer o que Rian queria que eu fizesse porque a história pedia isso.”

Ele completou:

“Eu ainda não aceitei isso completamente. Mas é só um filme, espero que as pessoas gostem dele. Espero que elas não fiquem chateadas, e eu realmente consegui acreditar que Rian era o cara exato para esse filme.”

Vocês concordam com Hamill ou gostaram da abordagem de Luke Skywalker em “Os Últimos Jedi”?

Comentários

Topo