Menu Papel POP

“Ela não precisa ser salva” diz Danai Gurira sobre a importância de ter Michonne de “TWD” na TV

Danai Gurira esteve na CCXP por dois motivos. Ela primeiro esteve no painel da Marvel para falar de “Pantera Negra” e, logo em seguida, voltou ao palco para conversar sobre “The Walking Dead” e sua personagem Michonne.

“Eu nunca havia visto uma personagem assim, com dreadlocks e uma espada”, diz a atriz quando soube da personagem. “Sabe aquelas coisas que você sente no coração que é para serem suas, foi assim com esse papel”.

Vendo a Michonne em ação, nem dá para acreditar que Gurira nunca havia segurado uma espada. Mas isso é real, ela passou a segurar a Katana só por causa da série. “Eu nunca havia usado meus músculos para antes. Na primeira vez que eu treinei, nem conseguia levantar a espada porque meu corpo inteiro doía […] Michonne nunca larga a katana. Eu tive que encontrar essa conexão com a arma dentro de mim”.

Mas o mais legal foi quando perguntaram se ela vê o impacto da Michonne em garotas que assistem à série: “Muitas garotas vêm me falar que conseguiram coragem para fazer coisas por causa da Michonne […] Na televisão, as mulheres nunca fazem nadas por elas mesmas. Sempre tem alguém que precisa vir salvá-las. Eu não vejo isso na vida real. […] É por isso que amo “The Walking Dead”, Michonne não precisa de ninguém para salvá-la”.

Ela também usou “Stranger Things” como exemplo e se desculpou antecipadamente pelo spoiler ao falar da importância de Eleven. “‘Meus amigos não podem me salvar mas eu posso salvar eles'[…] O papel da mulher é resolver os problemas do mundo e precisamos mostrar isso”, diz sobre o papel da Eleven nas cenas finais.

E ela ainda elogia a relação dela com o Mike: “Ele vê o poder da garota e ele não se sente reprimido por ele. Ele a apoia e é isso que devemos ver mais na TV”.

Amanhã rola a final da metade da temporada de “The Walking Dead” e Gurira adianta: “Vai ser grande, vai causar mudanças arrebatadoras. É algo que nunca fizemos antes”. MEDO!

Comentários

Topo