Menu Papel POP

Lady Gaga critica decisão de Trump em vetar transgêneros do serviço militar

MAIS SOBRE:

Em seu perfil no Twitter, Lady Gaga se posicionou contra a decisão de Donald Trump em proibir que trangêneros prestem o serviço militar americano.

Gaga fez uma série de tuítes expondo sua indignação com a decisão do presidente, falando da situação das pessoas transgêneras no país. Nos tuítes, ela marcou o perfil @Potus, que é o perfil oficial na rede dedicado ao presidente do país.

Veja o texto completo de Gaga:

“A mensagem que você acaba de enviar ameaçou a vida de pessoas em todo os EUA e no exterior que estão servindo bravamente a nossa nação. Pesquisas dizem que ao menos 1/2 de estudantes do ensino médio, universitários e jovens empregados raramente/nunca discutem com alguém sobre problemas mentais. Muitos desses jovens são transgêneros e sofrem diariamente exatamente com esse tipo de isolamento social e segmentação que a sua mensagem incentiva. Sinceramente, você sabia que do grupo que você isolou hoje, 45% deles com idade entre 18 e 24 anos, já tentaram suicídio? Dentro da comunidade Trans, muitos também são fortes e corajosos. Eles devem ser capazes de servir, se o desejarem, e serem honrados por isso, se o fizerem.”

Donald Trump ainda não se manifestou sobre as mensagens de Lady Gaga.

Comentários

Topo