Menu Papel POP

Chester Bennington, vocalista do Linkin Park, comete suicídio, diz TMZ

O TMZ acabou de noticiar a morte de Chester Bennington, vocalista do Linkin Park.

De acordo com o site, fontes da polícia disseram que o cantor de 41 anos cometeu suicídio ao se enforcar em sua casa em Palos Verdes Estates, no condado de Los Angeles. Seu corpo foi encontrado nesta quinta-feira (20) pouco antes das 9 da manhã do horário local. Ele deixa seis filhos de dois casamentos.

Pouco depois do TMZ ter soltado a notícia, Brian Elias, porta-voz do necrotério do condado de Los Angeles, confirmou a morte de Bennington à Associated Press e ao The Hollywood Reporter:

O necrotério ainda não deu detalhes sobre as circunstâncias do falecimento do cantor, mas afirmou que sua morte está sim sendo investigada como suicídio.

Mike Shinoda, também do Linkin Park, se manifestou com um tuíte:

“Chocado e devastado, mas é verdade. Um comunicado oficial será divulgado assim que o fizermos.”

Chester era amigo de Chris Cornell, do Soundgarden, que também se matou neste ano, e escreveu uma carta aberta na época do acontecido. Hoje, inclusive, seria o aniversário de 53 anos de Cornell.

No funeral de Cornell, Chester cantou “Hallelujah”, de Leonard Cohen.

O álbum mais recente do Linkin Park é “One More Light”, lançado em maio deste ano. Hoje mesmo foi divulgado o clipe da música “Talking to Myself”:

O grupo, como praticamente todo mundo sabe, começou a fazer sucesso com a música “In the End”.

O Linkin Park tocou no Brasil em maio deste ano, mesmo mês do lançamento de “One More Light” — a apresentação ocorreu no festival Maximus, em São Paulo.

Comentários

Topo