Menu Papel POP

Tove Lo fala sobre feminismo, novo álbum, ficar ‘doida’ e… mostrar os seios no palco!

Nem parece mas, na semana passada, “Habits” completou 4 anos de idade! Primeiro grande single da Tove Lo, que apresentou a sueca para o mundo, a faixa já dizia muito sobre o que podíamos esperar dela: muita sensualidade e um jeitinho de ser bem “foda-se” para o que o mundo pensa dela.

Mas, desde essa época, eu sempre me perguntava: “será que ela é doida assim mesmo? Doida no nível ‘minha amiga’?” A resposta é sim, mores! E deu pra catar fácil nesse papo superdivertido que eu tive com ela. Tove jogou a real sobre feminismo, falou sobre como os peitos dela são supervalorizados pela imprensa e, claro, sobre ficar doida o tempo todo! Olha só!


PapelPop: E aí, Tove! Tudo bem?
Tove Lo: Tudo e você?

PP: Tô bem também. Muito feliz de falar com você! Mas me diz uma coisa, menina… Eu vi aqui que “Habits” já tem quatro anos, mas pra mim você lançou essa música outro dia. Você tem essa mesma sensação?
TL: Sim, é meio louco! Realmente parece que foi ontem. Quando eu olho pra trás, nem acredito que passou tanto tempo assim.

PP: E uma coisa que eu sempre quis te perguntar: você é mesmo doidona como parece nas suas músicas?
TL: Eu sempre escrevo sobre o que acontece na minha vida, então… sim! hahhaha É bem isso. Eu curto muito sair, ficar louca. Ir à lua se possível! O que você vê nas minhas letras é basicamente o que eu sou.

PP: Alooook! Já quero ser sua amiga! Inclusive, muita gente aqui no Brasil também! Você já viu os memes que fizeram com seus clipes?
TL: Não! hahahha Quero muito ver!

PP: Falando sério agora, Tove. Você é superfeminista. Dá pra ver pelo que você canta, pelo seu jeito de ser e tal. Como o feminismo chegou em você e na sua música?
TL: Honestamente? O feminismo não é um assunto principal pra mim. Isso se tornou algo que eu falo sobre por causa do momento pelo qual o mundo passa. Mas quando eu estava escrevendo as músicas… Eu cresci sendo muito feminista, então isso era o normal pra mim: ser aberta e franca sobre esse assunto. E eu vou continuar sendo, pensando e sentindo as coisas do meu jeito, independente do que o resto do mundo ache disso. Isso se tornou algo sobre o qual eu canto. Definitivamente, o feminismo está lá, mas não de uma forma forçada. Ele simplesmente está lá.

PP: Você costuma mostrar os seios no palco durante o show. E os fãs amam! Tem alguma mensagem nisso?
TL: Nem tem uma grande mensagem, não. É só uma parte divertida do meu show em que eu interajo com o público. Isso acabou se tornando algo afirmativo porque as pessoas me pedem pra que eu não faça isso. E aí eu digo: vou continuar fazendo de qualquer jeito. Eu espero que isso deixe de ser algo tão grande, porque essa é sempre a manchete de todos os jornalistas que estão lá cobrindo meu show. São dois segundos de um show de mais ou menos uma hora, mas é o que acaba virando notícia. Mas eu não vou parar de mostrar meus peitos por causa disso. Eu espero que chegue um momento em que as pessoas naturalizem isso, deixem isso pra lá e comecem a falar sobre a música em si. Mas não vou parar por causa disso, porque é o que eu quero fazer.

View this post on Instagram

Honoring St Pattys day

A post shared by Tove Lo (@tovelo) on

PP: NÃÃÃÃO! HAZÔ! E me conta do seu novo álbum. Quando sai? A gente tá curtindo o Lady Wood ainda, mas rola aquela curiosidade e tal…
TL: Eu ainda não tenho nenhuma data. Mas eu te juro que ele sai ainda neste ano!

PP: E como ele vai ser? A galera tá entrando numa onda política aí. Katy Perry, Beyoncé… Geral criticando o sistema. Você vai fazer um álbum político também?
TL: Lady Wood ainda é um álbum sobre as mudanças que aconteceram na minha vida, a correria dos últimos anos, palcos, viagens, etc. Agora eu estou parando pra pensar sobre o significado que as mudanças pelas quais o mundo está passando têm pra mim, porque eu sinto que essas mudanças são terríveis pra muitas pessoas no mundo. E se é ruim pra alguém, acaba sendo ruim pra mim também. Então isso talvez apareça na minha música no futuro.

PP: Nessas viagens todas, que eu imagino que você não esperava fazer há alguns anos atrás, o que de mais legal aconteceu com você?
TL: Acho que viajar pelo mundo e estar em lugares que eu nunca fui e, estando lá, encontrar um monte pessoas que eu não conheço, mas estão conectadas comigo… Eu não consigo nem te explicar o quanto isso é incrível pra mim. Significa muito!

Ela é muito maravilhosa, sim ou claro? <3 A Tove Lo se apresenta no Lollapalooza Brasil 2017 neste sábado (25), às 20h15 no palco Axe!

Comentários

Topo