Menu Papel POP

David Bowie soube que seu câncer era terminal três meses antes de morrer

MAIS SOBRE:

Em alguns dias a morte de David Bowie completará um ano, em 10 de janeiro. Amanhã, sábado (7), em sua homenagem será exibido no canal britânico BBC o documentário “David Bowie: The Last Five Years”, que como diz o título, mostra momentos dos cinco últimos anos de vida do artista.

A NME conseguiu alguns detalhes sobre o que poderemos saber pelo filme, e o mais chamativo deles é o fato de David Bowie ter descoberto que seu câncer era terminal — ou seja, sem cura — apenas três meses antes de morrer, quando estava prestes a gravar o clipe de “Lazarus”

Segundo o site, o diretor do vídeo Johan Renck contou que Bowie deu a notícia a ele por Skype.

“Pensei por um momento que ele realmente parecia estar assustado, mas um segundo depois, ele fazia uma piada sobre o assunto.”

Renck também diz que para ele o clipe não é sobre a própria morte do cantor, como foi e é especulado (via BBC).

“Para mim, tinha relação com o aspecto bíblico, com o homem que voltaria a renascer. Não tinha nada a ver com a doença.”

Entre outros detalhes, a NME cita uma passagem do documentário em que Bowie, em entrevistas e gravações antigas, se mostra descontente com o status de celebridade, e que a fama só era boa para conseguir ingressos de shows, acesso aos bastidores e mesas em restaurantes — de resto, era “um saco”, hahaha!

“David Bowie: The Last Five Years” usa gravações inéditas e é focado a partir de 2011, mostrando informações sobre os CDs “The Next Day” (que marcou seu retorno após dez anos) e “Blackstar”, além do musical “Lazarus”.

Bowie, que saudades!

Comentários

Topo