Menu Papel POP

Massive Attack vai codificar o álbum “Mezzanine” em DNA

MAIS SOBRE:

Exatamente hoje, dia 20 de abril, o terceiro álbum do grupo britânico Massive Attack completa 20 anos. Um aniversário desses merece ser comemorado, e eles resolveram fazer isso de um jeito bem inusitado (via Pitchfork).

“Mezzanine”, disco de músicas como “Angel” e “Teardrop”, será codificado e armazenado em uma cadeia de DNA!

E olha que nem é a primeira vez que isso acontece — no ano passado, as versões ao vivo de “Tutu”, do Miles Davis, e “Smoke On The Water”, do Deep Purple, passaram por esse processo. Só que agora é um álbum completo.

Mas voltando ao Massive Attack. O áudio das faixas será convertido em 920 mil fitas de DNA, que por sua vez serão guardadas em 5 mil nanoesferas de vidro. A codificação será possível graças ao Instituto Federal de Tecnologia de Zurique, na Suíça.

Em comunicado enviado à imprensa, o Massive Attack “reconhece que isso pode ser a resposta ao problema de arquivamento da crescente quantidade de informação que o mundo está criando.

Vai virar tendência?

Comentários

Topo