Menu Papel POP

Kanye West está escrevendo um livro de filosofia sobre nostalgia e memórias

MAIS SOBRE:

Kanye West tem tantas ideias na cabeça que passá-las para suas músicas não é o suficiente, tanto é que ele resolveu canalizar sua criatividade em outro formato: a literatura.

Enquanto entrevistava seu designer de interiores para o The Hollywood Reporter, o rapper revelou que está escrevendo um livro de filosofia (via NME).

Pelo o que parece, a ideia surgiu porque ele está pensando muito na noção do tempo: “O futuro está aqui agora, e o passado também. Há certas pessoas que você conhece e diz ‘Você é do futuro’. Você sente no espírito delas que essas pessoas estão num período onde elas não são celebradas, e existem pessoas que são celebradas atualmente e que se tornam mais famosas ou notórias.

Puxando por isso, ele fala sobre o livro:

“Estou me aprofundando em um novo conceito. Estou escrevendo um livro de filosofia chamado ‘Break the Simulation’. E eu tenho essa filosofia — vamos dizer que é um conceito, porque às vezes filosofia soa muito pesado — sobre fotografias, sobre seres humanos obcecados por fotografias, porque elas te tiram do momento atual e te transportam para o passado ou para o futuro. [A fotografia] pode ser usada para documentar algo, mas muitas vezes ela ultrapassa as pessoas. As pessoas se preocupam muito com memórias; elas sempre querem ouvir a história de alguma coisa, o que é importante, mas acho que põem muita importância na história.”

Ou seja, o rapper quer usar a nossa fascinação com fotografias, nostalgia e memórias para analisar o passado e o futuro. É isso?

Outro trecho legal da entrevista é este aqui, onde ele fala que trava todos os dias uma batalha contra seu ego:

“Quanto mais livre você, mais criativo fica. O ego te limita. (…) Eu não quero mais ser o número 1, eu quero ser água. Quero me aproximar da UNICEF ou de outra coisa onde eu possa usar a informação que tenho e ajudar o máximo de pessoas possível, e não só colocar isso numa marca.”

Comentários

Topo