Menu Papel POP

Lena Dunham defende silêncio de Taylor Swift sobre Donald Trump

Desde que Donald Trump foi eleito Presidente dos Estados Unidos, muitos famosos se manifestaram contra ele. Desde posts na redes sociais até um novo single, todo mundo deu seu jeito de dar seus 20 centavos sobre o assunto.

A exceção é Taylor Swift que, até agora, não disse nada sobre o assunto – e tem sido fortemente cobrada por isso. Apesar de defender a causa feminista, Taylor também não compareceu à Women’s March, protesto feminino (e feminista) contra Donald Trump.

Amiga da cantora, a atriz e roteirista de “Girls” Lena Dunham saiu em defesa do silêncio de Taylor numa entrevista à Rolling Stone.

“Eu acho que cada um deve fazer as coisas da maneira que achar melhor”, disse Dunham, explicando que ela também cobrava opinião das pessoas quando ainda não era tão famosa. A roteirista conta que mudou de opinião quando percebeu as consequências de falar o que se pensa na internet.

“Quando eu não era tão famosa, eu ficava tipo ‘Como alguém pode não compartilhar sua opinião?’. Só que aí eu percebi que quando você fala de política, as pessoas correm no seu Twitter e te mandam a planta da sua casa dizendo que estão indo pra lá. E você não pode fazer nada, porque as pessoas são uma merda”

Tenso esse rolê de mandarem a planta da casa pelo Twitter, né?

No entanto, durante a corrida presidencial americana, Dunham não só apoiou Hillary Clinton publicamente como também demonstrou sua insatisfação com Trump.

E aí, o que você acha do silêncio da Taylor? Ela deveria assumir suas convicções em relação à política americana?

Comentários

Topo