Menu Papel POP

Adriana Calcanhotto imerge no breu das noites fugazes em “Tua”, seu novo clipe

Quando conversamos com Adriana Calcanhotto por telefone em maio deste ano, ela nos contou que “Tua”, uma das canções do disco “Margem”, seu mais recente trabalho de estúdio, havia sido composta em Roma, na Itália. Durante sua estadia na cidade, a cantora quis trabalhar em uma letra que partisse de uma palavra que pudesse ser compreendida tanto em português, quanto em italiano.

Com seu trabalho pronto, Adriana enviou a canção para uma das maiores intérpretes da música brasileira, Maria Bethânia. A sugestão foi feita sem compromisso e a resposta, positiva, veio tempo depois. A faixa foi gravada no disco “Tua”, lançado há 6 anos, e originou um registro que beira o idílico – algo que não se configura como nenhuma novidade no repertório da musa.

Eis que agora, sua compositora resolveu revisitá-la em uma nova versão, um pouco mais pop, regida por guitarras, saxofones e elementos discretos da música portuguesa. Para o clipe de “Tua”, lançado nesta terça-feira (na voz de Adriana Calcanhotto), ela imerge na noite voraz, descrita previamente na letra. Envolta em um véu de escuridão e nua, a artista vaga em meio a uma estética sofisticadíssima em busca de se fazer ouvida.

Assista!

“Margem”, o novo disco de Adriana Calcanhotto”, é o responsável por encerrar a trilogia dos mares iniciada em 1998 com o lançamento de “Maritmo”. Faz parte ainda desta tríade o disco “Maré”, que chegou às lojas em 2008. Ouça!

Comentários

Topo