Menu Papel POP

CONFIRMADO: exposição da Björk chega ao Brasil em junho pelo MIS-SP!

AGORA É REAL, GENTE! Após uma série de especulações e de uma quaaase confirmação, a exposição Björk Digital já tem data e local para acontecer: a mostra, que reúne um pedacinho do universo complexo da princesa das rochas cobertas de lava vulcânica da Islândia desembarca no Brasil no mês de junho!

Quem terá a honra de receber as sessões de realidade virtual e os elementos audiovisuais imersivos será o Museu da Imagem e do Som de São Paulo, o MIS. O anúncio chegou no início da tarde desta terça-feira (22) pela conta da instituição no Instagram.

Se liga só:

View this post on Instagram

Inédita no Brasil, a exposição “Björk Digital” une tecnologia e arte para ilustrar de forma contemporânea e artística as imagens poéticas das músicas da artista islandesa. 🎶 . Dividida em sessões compostas por experiências de realidade virtual e elementos audiovisuais imersivos, a mostra chega ao MIS em junho, depois de passar por cidades como Tóquio, Sidney e Londres. . Trazida em parceria com a produtora Dueto (@dueto.producoes), a exposição é apresentada pelo Ministério da Cidadania e Vivara (@vivaraonline), patrocinada pela @PagSeguro, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. O MIS é uma instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo (@culturasp). . #björknomis #björkdigital #mis_sp . Foto: Nick Knight. Tipografia: M/M Paris.

A post shared by MIS-SP (@mis_sp) on

A gente lembra que a mostra já passou por algumas das principais capitais do mundo como Sidney, Lisboa, Paris, Barcelona e Nova York – e em todas elas foi elogiadíssima.

Se você ficou curioso pelo que vem por aí, fica a dica: na cidade do México, um dos raros destinos latino-americanos pelos quais a antologia criativa da artista desembarcou, os curadores comentaram um pouco sobre o processo de organização do evento e liberaram um vídeo bem detalhado com algumas das principais atrações.

Nas imagens é possível ter uma leve dimensão do que esperar. É fascinante, multissensorial!

E aí, a gente se vê lá?

Comentários

Topo