Menu Papel POP

Cantor Tom Petty morre aos 66 anos

MAIS SOBRE:

[ATUALIZAÇÃO]

O porta-voz de Tom Petty confirmou na madrugada desta terça-feira (3) a morte do cantor; leia o comunicado oficial:

“Em nome da família de Tom Petty, estamos devastados em anunciar a morte prematura de nosso pai, marido, irmão, líder e amigo. Ele sofreu um ataque cardíaco em sua casa em Malibu nesta manhã e foi levado ao Centro Médico da UCLA, mas não conseguiu ser ressucitado. Ele morreu pacificamente às 20h40 cercado por familiares, seus colegas de banda e amigos.”

[/ATUALIZAÇÃO]

———

[ATUALIZAÇÃO] A imprensa americana voltou atrás e agora afirma que o cantor Tom Petty ainda está vivo, mas em estado crítico.

A CBS News, que tinha primeiro informado sobre a morte do cantor, revogou as informações iniciais e agora afirma que ele está internado em um hospital da cidade de Los Angeles.

A publicação citava o Departamento de Polícia de Los Angeles (LAPD) confirmando a morte do artista.

Porém, o LAPD negou a informação ao The Hollywood Reporter e acrescentou que eles não confirmaram a morte de Tom Petty para ninguém.

Tom Petty, que tem 66 anos, sofreu um ataque cardíaco na tarde desta segunda-feira (2).

[/ATUALIZAÇÃO]

———

Ele fundou o grupo Tom Petty and the Heartbreakers e também fez parte do Traveling Wilburys, que também tinha Bob Dylan, George Harrison, Roy Orbison e Jeff Lyne.

O TMZ foi o primeiro a dar a notícia. Segundo o site, Petty foi encontrado inconsciente e sem respirar em sua casa em Malibu, nos EUA, no domingo (1). Ao ser levado ao hospital, foi constado que não tinha mais atividade cerebral, e assim passou a sobreviver por aparelhos.

Ele e os Heartbreakers estavam em uma turnê comemorativa dos 40 anos da banda – o último show foi em Los Angeles, no dia 22 de setembro.

Entre outras músicas de sucesso do cantor de rock estão “Breakdown”, “American Girl”, “Learning to Fly” e “Mary Jane’s Last Dance”.

Comentários

Topo