Menu Papel POP

“X Factor Brasil” quer artistas do reality gringo se apresentando por aqui

Está prestes a estrear no Brasil, finalmente, a nossa versão para o programa “The X Factor”, que surgiu lá no Reino Unido pelas mãos do mega empresário do showbizz Simon Cowell.

Por aqui, o programa será produzido pela Band em parceria com a TNT e terá como jurados Alinne Rosa, Di Ferrero, Paulo Miklos e o produtor Rick Bonadio. A apresentação será de Fernanda Paes Leme.

Nesta terça-feira (16), a Band chamou vários jornalistas para conhecer mais sobre o formato do programa por aqui e o Papelpop, claro!, estava lá.

x-factor-brasil-coletiva

Durante a coletiva, obviamente teve um assunto que não pode ficar de fora: os problemas na organização das audições. Na época, os candidatos reclamaram nas redes sociais pelo enorme atraso nas suas apresentações e no péssimo tratamento que receberam da organização. Várias pessoas, inclusive, pediram no perfil do Simon Cowell no Instagram que a versão brasileira fosse cancelada.

O diretor do programa, Guillermo Pendino, minimizou a situação e disse que tudo foi um grande aprendizado, já prevendo uma segunda temporada para o ano que vem.

“Os problemas fizeram a gente aprender. A gente aprendeu, a gente superou e com certeza o ano que vem vai ser diferente do que a gente já fez. Deu forças para continuar e fazer as coisas o melhor possível. A gente tenta dar o nosso melhor mas às vezes acontecem algumas coisas, que agora está no passado”, esclareceu.

Outro assunto comentado por Pendino foi um possível intercâmbio do programa com as edições internacionais. É comum, lá fora, um artista saído do “X Factor” britânico se apresentar no australiano, por exemplo.

“A gente está fazendo um trabalho para trazer sim convidados, estamos vendo as agendas, e logo que a gente tiver a confirmação das bandas ou dos convidados que a gente vai trazer para o Brasil, vamos comunicar a todos vocês com certeza, porque a gente quer o melhor para o programa”, comentou.

Já imaginou? Será que Fifth Harmony, Little Mix, Zayn ou algum membro do One Direction vai se apresentar na TV brasileira em breve? Vamos esperar para ver!

Comparações com o original

x-factor-brasil-02

Por falar no formato gringo do programa, uma coisa que todo mundo queria saber na coletiva era o seguinte: quem, dos quatro jurados brasileiros, vai ser o nosso Simon Cowell, ou seja, o jurado mais fechado e difícil de se convencer. A resposta do Paulo Miklos foi direto: “É a Alinne”.

A cantora, que já foi vocalista da banda Cheiro de Amor, se defendeu convesando com o Papelpop. “Mentira! Eles querem me gongar”, contou. “É de zoeira, a gente fica brincando sobre isso. Assim, eu sou uma ariana sincera, mas eu acho que não existe nem bom nem ruim, somos todos justos”.

O Rick Bonadio acha que não existe isso de “Simon Cowell brasileiro”. “Isso não existe, o Simon é um inglês, ele tem aquele tipo de humor. Nós somos brasileiros, não somos assim”, comentou falando que nós, brasileiros, nos envolvemos mais com os candidatos.

Aliás, essa é a principal diferença da nossa versão para as outras, segundo os jurados. Questionados sobre a maior diferença, a resposta foi uníssona entre eles: “Os brasileiros!”.

Mas voltando a falar da Alinne, a única mulher na bancada do júri, a gente quis saber dela também se a baiana se inspira em alguma diva entre as que já passaram pelo programa internacionalmente, como Britney Spears, Demi Lovato, Cheryl ou Nicole Scherzinger.

“Ai, eu nem sabia disso! Eu tenho que ser a diva, né? É verdade, mas eu coloco umas roupas diferentes, mudo o penteado. Mas eu nunca fui assim, de me inspirar em ninguém, eu gosto de alguns artistas mas sempre sou eu mesmo”, respondeu.

Mas como assim ela não sabia disso???? “Eu gosto do formato, eu assisto, acompanho, mas agora muito mais para preparar melhor a cabeça, até porque o formato é igual”, eclareceu a Alinne. Ah bom!

A sina dos reality shows no Brasil

Podemos ser bem realistas? A gente sabe que os reality shows no Brasil não conseguem tornar seus vencedores em grandes sucessos de vendas. Os talentos são inegáveis, mas tem alguma coisa que impede que os participantes façam sucesso depois do programa.

A última vez que um artista de reality show fez realmente um sucesso estrondoso de vendas foi a girlband Rouge, que surgiu no programa “Popstars”, feito pelo SBT em 2002. Sabe quem ajudou a selecionar o grupo? Justamente o Rick Bonadio, que agora está no “X Factor”.

“Eu já fui questionado muitas vezes sobre isso. É algo que a gente tem que analisar de uma forma mais profunda. Alguns talentos que saíram dos realities fizeram sim sucesso, eu tenho a vivência no passado com o Rouge, mas a gente tem outros artistas brasileiros que fazem sucesso e saíram de reality shows. Eu como um profissional do mercado eu vejo que o artista que ganhar o ‘X Factor’ vai ganhar muita visibilidade, ele já sai de um nível acima. No momento que ele lança um disco no mercado, ele passa a concorrer com vários artistas. A gente está aqui para encontrar o melhor e essa pessoa vai ter muito potencial, mas os fatores de mercado, momento, repertório, trabalho e empresário vai fazer com que ele faça mais sucesso ou não, mas a gente não tem como controlar”.

O vencedor do “X Factor”, aliás, vai sair do programa já com um contrato para lançar um álbum pela Sony Music. Vamos ficar de olho no quem por aí.

Está chegando…

O programa vai substituir o “Master Chef” como o próximo reality show da Band. Por isso, claro, já podemos esperar vários memes como no programa culinário. Na coletiva, todos os jurados já disseram que estão prontos para isso.

O “X Factor” do Brasil vai estrear no dia 29 de agosto às 22h30 e irá ao ar às segundas e quartas na Band, com reprises às terças e quintas-feiras no canal pago TNT.

Seguindo o formato original, a primeira temporada terá 13 semanas de duração, divididas entre as audições, centro de treinamento, desafio das cadeiras e shows ao vivo. A competição será dividida em quatro times: meninos, meninas, os acima de 25 anos e os grupos.

Ah, não viu o Di Ferrero aí? Pois é, ele não participou da coletiva por um motivo bem especial: a sua lua-de-mel com Isabeli Fontana.

View this post on Instagram

💥 luvOnFire #discoversoneva

A post shared by Diego Ferrero 🧿 (@diferrero) on

Comentários

Topo