Menu Papel POP

Celine Dion emociona ao cantar Queen e chora ao ser homenageada no BBMAs

Um dos momentos mais emocionantes deste Billboard Music Awards de 2016, que acontece neste domingo (22) em Las Vegas, sem sombra de dúvidas foi a grande homenagem à cantora canadense Celine Dion.

A grande diva recebeu por lá o prêmio Icon Award e emocionou não só no seu discurso, mas também com uma apresentação bem tocante, dedicada ao seu falecido marido René Angélil, que morreu no começo do ano.

Em sua primeira apresentação televisionada desde a morte do marido, Celine escolheu cantar “The Show Must Go On”, do Queen, cujo título é uma frase que, segundo a cantora, foi dita a ela por René, “o show tem que continuar”.

Antes disso, um vídeo de introdução já preparou o terreno falando sobre a carreira da Celine e todas as perdas que ela enfrentou esse ano: além do marido, ela perdeu também um irmão – na mesma semana.

Para deixar tudo ainda mais emocionante, de surpresa, o filho mais velho dela,  René-Charles, apareceu para entregar o Icon Award, e ela não conseguiu conter o choro.

“Essa é uma tremenda honra, claro. Música sempre foi uma paixão desde que eu me lembro. (…) Mais especialmente, eu quero agradecer aos fãs por viajarem pela música comigo, nos bons e maus momentos. (…) Quero agradecer à minha família, minha mãe que escreveu minha primeira música, meus filhos e principalmente, ao meu marido René, que eu sei que vai continuar olhando por mim lá de cima. (…) René, essa é para você, o show tem que continuar!”

Na sexta-feira (22), em antecipação a essa apresentação, a Celine disponibilizou em seu canal no Youtube uma versão em estúdio da música gravada com a violinista Lindsey Stirling, que também a acompanhou no Billboard Music Awards.

Comentários

Topo