Menu Papel POP

“Há muito talento transgênero por aí”, diz primeira atriz trans a vencer o Spirit Awards

Uau! A cerimônia do Film Independent Spirit Awards está acontecendo neste momento em Santa Mônica, na Califórnia e com um show de diversidade.

A atriz Mya Taylor, do filme “Tangerine”, acaba de se tornar a primeira trans a vencer um prêmio no Spirit Awards, premiação voltada a filmes mais independentes.

Mya concorria a Melhor Atriz Coadjuvante com nomes como Jennifer Jason Leigh e Cynthia Nixon. Em seu discurso de agradecimento, ela defendeu a visibilidade trans em Hollywood.

“Há muito talento transgênero por aí… Então é melhor você se levantar e nos colocar em seus próximos filmes”, disse em recado para os cineastas de Hollywood.

Depois, já na coletiva de imprensa, ela falou sobre sua batalha pessoal para chegar ali. “Eu me inscrevi para 186 empregos em um mês e não consegui nenhum. E então o filme apareceu”, revelou.

“Tangerine”, filme que a gente já havia falado sobre aqui no Papelpop, mostra a história de duas prostitutas transexuais em Los Angeles – e foi filmado apenas com um iPhone 5.

Além da Mya, sua colega de elenco em “Tangerine”, Kitana Kiki Rodriguez também é a primeira trans a concorrer ao prêmio de Melhor Atriz. Será que ela consegue deter a favorita Brie Larson, de “O Quarto de Jack”? Vamos acompanhar…

O Spirit Awards 2016 tem transmissão aqui no Brasil pelo canal pago Paramount Channel.

Comentários

Topo