Menu Papel POP

Já vimos “Jogos Vorazes”! Filme de aventura sci-fi com ótimas atuações estreia sexta-feira no Brasil!

“Jogos Vorazes” está chegando nesta sexta-feira aos cinemas do Brasil! Nós já vimos o filme dias atrás numa cabine para a imprensa e podemos dizer que o romance de Suzanne Collins está lindamente representado no cinema.

É bom? Sim! Fiel ao livro? Também! Então vamos lá… O que esperar do filme dirigido por Gary Ross? 

É excelente, bom, regular ou ruim?
É bom! “Jogos Vorazes” é uma aventura sci-fi tão sombria, cruel, irônica e emocionante quanto a história do livro de Suzanne Collins. O filme é bem filmado, bem esperto, com ótimas atuações e um engraçado e criativo retrato do mundo sci-fi futurista da trama.

É muito (muito mesmo!) diferente de “Crepúsculo” ou “Harry Potter”
É normal comparar, vai! Todos estes produtos hollywoodianos vieram de livros bombates. Mas “Hunger Games” é completamente diferente dos outros dois. Enquanto o filme dos vampiros fala de amor eterno (meio controverso e doido) de adolescente e a história dos bruxos de J.K. Rowling é fabulosa e mágica, “Jogos Vorazes” é cruel, realista, violento, nada romântico e bem ficção-científica.

Ótimas atuações!
Sabe quem reina o filme inteiro? Quem não te faz dormir na cadeira? A ótima atuação de Jennifer Lawrence. Foi mal, “Crepúsculo” e “Harry Potter”, mas vocês não têm, nem de longe, uma protagonista tão competente, comovente e convincente quanto a Katniss de Jennifer Lawrence.

Aliás, ninguém está ruim no filme
Nem a atuação forçadamente canastrona do Stanley Tucci na pele do apresentador do “reality”, Caesar Flickerman. Seria legal ter um Pedro Bial como ele. Ah! Outro grande destaque lindo é de Elizabeth Banks na pele da caricata Effie Trinket. A atriz conseguiu construir uma personagem tão nojenta, patética e irônica quanto o livro a mostra.

Quem vai gostar?
Ainda é difícil imaginar, mas já dá para descartar as meninas muito românticas fãs de “Crepúsculo”. Afinal, em “Jogos Vorazes” não tem amorzinho fofo, mimimi ou paixão eterna como na história dos vampiros. Vai adorar quem gosta de uma boa história de aventura e sobrevivência. É como se fosse “No Limite” nos tempos futuros, mas com boas atuações e sem o Zeca Camargo. Ok. Não precisava dessa comparação.

O filme é fiel ao livro
Até fiel demais! Se você leu o primeiro livro da trilogia, não vai se decepcionar. Talvez a única “pessoa” que vai se decepcionar vai ser a sua imaginação criada ao ler o livro. Vai acontecer dela não ser correspondida com aquilo mostrado no filme (mas isso é o normal de acontecer com qualquer livro transportado para o cinema).

Figurinos e maquiagem deliciosos
No futuro de “Jogos Vorazes”, pode esperar por cabelos azuis, barbas ridiculamente desenhadas, cílios pinks, muita cor estranha misturada, ternos assimétricos e muita coisa engraçada. Eu sou fã, por exemplo, do figurino “jogging/academia” da galera em treinamento.

O filme podia ser maior!
Para encurtar o tempo de duração do longa, o personagem de Gale, interpretado por Liam Hemsworth, mal aparece no filme assistindo aos jogos junto com a galera do distrito. E isso é um pouco ruim porque eles representam a ligação afetiva com a heroína Katniss. Como isto é muito encurtado, o filme perde um pouco de emoção. Afinal, por que torcer para esta menina sobreviver? Quem perde alguma coisa se ela morrer?

Para quem ainda não conhece a história…
Tudo acontece num futuro distante , nos Estados Unidos, onde a população é dividida por distritos e dominada por um regime totalitário. E o bicho pega quando o governo decide criar um jogo transmitido para toda a população que coloca um time de adolescentes na selva para se matarem até um só sobreviver e virar o grande ganhador.

A protagonista da história é a jovem gladiadora, mestre do arco e flecha, Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence), a melhor amiga do Gale Hawthorne (Liam Hemsworth).

Ela acaba se voluntariando para participar dos jogos vorazes quando a irmã menor dela é escolhida para lutar. “Eu vou no lugar dela!”, diz a garota moradora do Distrito 12, que acaba indo competir na selva com toda uma galera de outro distrito e sempre ao lado de Peeta Mellark (Josh Hutcherson), o filho do padeiro do mesmo distrito em que ela vive.

“Jogos Vorazes” estreia nesta sexta-feira, dia 23 de março, no Brasil e no mundo! 

O que é o texto desse comercial acima? Hahaha!

Comentários

Topo