Menu Papel POP

Viola Davis se arrependeu de ter feito Histórias Cruzadas (The Help)

MAIS SOBRE:

Acontece com muitos atores em Hollywood e com Viola Davis não foi diferente. A atriz revelou ter se arrependido de ter feito o filme Histórias Cruzadas (The Help), um papel que lhe rendeu uma indicação de melhor atriz no Oscar de 2012.

Durante o festival de Toronto, Viola explicou o motivo para o New York Times: “Se eu fiz papéis que depois me arrependi? Sim, e The Help está nessa lista”.

A pergunta foi respondida durante uma série de perguntas feitas pelos leitores do jornal sobre a carreira dela. Uma delas falava também sobre a pressão de ser um exemplo de esperança para mulheres negras.

“Ser esse exemplo e segurar essa responsabilidade quando você está lidando com a própria vida foi difícil, mas eu escolhi ser essa líder”, contou.

Sobre a experiência de Histórias Cruzadas, ela contou:

“Eu senti no final do dia que as vozes das empregadas não foram ouvidas. Eu conheço a Aibileen [papel interpretado por Viola]. Eu conheço a Minny [papel interpretado por Octavia Spencer]. Elas são minhas avós. Elas são minha mãe. E eu sei que se você faz um filme em que toda a premissa é saber como é que alguém se sente trabalhando para pessoas brancas e educando crianças em 1963, eu gostaria de saber o que elas realmente sentiam com isso. Eu não fiquei sabendo disso durante todo o filme”, contou Viola.

“As amizades que formei [fazendo o filme] são coisas que levarei pro resto da minha vida. Eu tive uma experiência incrível com as outras atrizes, que são seres-humanos maravilhosas. E eu não poderia ter pedido por um colaborador melhor que o diretor Tate Taylor”, completou Viola.

Para conferir a matéria completa, acesse o NYT.

Comentários

Topo