Menu Papel POP

Entrevista: falamos com Bebe Rexha sobre I’m a Mess, depressão e vinda ao Brasil!

MAIS SOBRE:

MARAVILHOSA!

Bebe Rexha é a fofura e simpatia em pessoa. Bati um papo com a cantora de I’m a Mess – enquanto ela estava no solzão da Califórnia e eu aqui neste tempo nublado de SP – sobre seu processo de escrita, novo álbum, pressões que a sociedade exerce sob as mulheres e muito mais, vem ler:

PP: I’m a Mess está em 4º lugar no iTunes US. Você já tinha imaginado conquistar algo tão bacana assim em sua carreira?

BEBE: Honestamente, eu sempre quis fazer música, mas eu não tinha ideia de que chegaria a isso, e isso é incrível, pra ser sincera.

PP: Seu single do álbum de estreia, Expectations, fala sobre ansiedade e depressão. É importante para você expressar seus problemas pessoais? E como você lida com eles?

BEBE: Eu acho que a música [I’m a Mess] é mais que depressão, mais que ansiedade. Pra mim é sobre celebrar imperfeições. Principalmente no mundo que vivemos agora, especialmente se você é uma mulher jovem, você tem que ser perfeita o tempo todo. E ninguém é perfeito. Tem dias que você estará para baixo, outros que estará feliz. I’m a Mess é dizer: “você não está sozinho” e todos se sentem assim. E pra mim é também me amar e falar: sim, eu sou uma confusão. Meus fãs com ansiedade ou depressão não estão sozinhos e tudo melhora no fim.

PP: Qual seu processo de composição? Você tem algum ritual ou bloqueio…?

BEBE: Quando eu estou passando por uma desilusão amorosa ou algo to tipo, e eu fico ‘eu estou tão triste ou whatever’ e começo a escrever. E, às vezes, eu vou ao estúdio para ficar de boa e fico inspirada por isto.

PP: Você tocou no I Heart Radio no mês passado. Você tem alguma premiação que é seu sonho tocar?

BEBE: Grammy. Eu sempre quis ganhar um Grammy e cantar na premiação.

PP: Você vai chegar lá!

BEBE: Obrigada, eu espero!

PP: Você já fez diversos feat. em músicas. Tem algum artista que você quer muito fazer uma música juntos?

BEBE: Tantos. Eu amo todos que eu já trabalhei. Cardi é incrível, todos são incríveis. Trabalharia com todos esses novamente.

PP: Qual seu artista favorito para escutar no momento?

BEBE: Drake. Ele é incrível. E eu amo Travis Scott!

PP: Você abriu os shows da Katy Perry aqui no Brasil. Você tem planos para voltar?

BEBE: Sim! Eu me diverti muito aí no Brasil e quero voltar para fazer meu próprio show da minha turnê, então eu espero sim voltar.

PP: Seu álbum de estreia, Expectations, está sendo um sucesso. Você já está pensando em um sucessor?

BEBE: Sim, estou pronta para nova música. Mas ainda não pensei nisto.

PP: Em quais países você sonha em tocar?

BEBE: Eu honestamente quero ir ao Brasil. Eu também quero ir ao Japão.

PP: Qual mensagem você quer deixar aos seus fãs brasileiros?

BEBE: Eu amo todos e mal posso esperar para vê-los no meu show, e espero que possa conhecê-los,  espero que eu possa dançar muito com eles

Comentários

Topo