Menu Papel POP

Johnny Depp é processado após supostamente agredir funcionário em set de filmagens

As coisas não andam muito otimistas para Johnny Depp já há algum tempo. O ator foi processado nesta semana por ter agredido o gerente de locações Greg Rocky Brooks durante uma tarde de filmagens em Los Angeles. Além de Depp, o diretor Brad Furman e os produtores da Good Films também receberam uma autuação por danos morais não específicos.

O caso teria acontecido em abril, quando o funcionário informou o fim do alvará de liberação de uma rua em Los Angeles em virtude do tempo excedido. O espaço era utilizado para uma série de filmagens do longa “City of Lies”.

Foi então que Furman teria dado ordens a Brooks de informar a Depp sobre o fim do expediente. O ator teria então o agredido com socos nas costelas e no rosto. Segundo Greg, o ator gritava muito enquanto lhe batia:

“Ele estava a 15 cm de distância, gritando “Quem é você? Você não tem o direito. Te dou US$ 100 mil dólares para me dar um soco agora”.

Greg foi demitido dias depois do incidente por ter rechaçado a ideia de assinar um documento em que se comprometeria a não abrir um processo contra Depp a respeito do acontecido. No documento, há ainda a denúncia de que Depp estava sob efeito de álcool e são mencionadas as humilhações sofridas pela demissão, sem justa causa.

Comentários

Topo