Menu Papel POP

Bruxaria, feminismo e maconha no video de “Joana Dark”, parceria da Ava Rocha com a Linn da Quebrada

No fim do ano passado, Ava Rocha compôs uma canção ao lado de Vítor Hugo e Gabriela Carneiro Cunha. Depois disso, reuniu algumas amigas em estúdio, entre elas Linn da Quebrada, Tulipa Ruiz e Karina Burh. O resultado disso foi “Joana Dark”, primeiro single do disco “Trança”, lançado no último dia 15.

A faixa é insana. Embalada por uma mistura de funk e ritmos africanos, Ava abusa do conceito na letra da música, já que usa a francesa Joana D’arc como pano de fundo para tratar de temas como o feminismo, a liberação da maconha e bruxaria.

Tudo muito colorido, a própria fogueira do pecado. Assista:

Ava é filha do cineasta brasileiro Glauber Rocha, conhecido mundialmente por ter sido um dos primeiros brasileiros a ser indicado ao Festival de Cannes e o responsável por clássicos do cinema cult brasileiro como “Deus e o Diabo Na Terra Do Sol” e “Terra em Transe”.

Em 2015, o primeiro álbum dela em carreira solo, “Ava Patrya Yndia Yracema”, apareceu em vários rankings de melhores lançamentos do ano, inclusive em uma lista de indicações do The New York Times.

Além de “Joana Dark”, o novo álbum de Ava traz a participação de outros 35 artistas. Dá para ouvir aqui embaixo:

Comentários

Topo