Menu Papel POP

Com novo livro, Fernanda Torres se consagra a rainha da tragicomédia no Brasil

Depois do sucesso estrondoso de “Fim” (que amamos e já te contamos aqui) Fernanda Torres está de volta com “A Glória e seu cortejo de horrores”. O título é uma frase de sua mãe, Fernanda Montenegro, que resume bem os altos e baixos na vida de um artista.

No livro, Mario Cardoso é um ator carioca que narra os bastidores do teatro, televisão e cinema da década de 60 até os dias de hoje. Acompanhamos o início de sua carreira nos palcos, sua ascensão até o posto de galã e o momento em que é reconhecido como um ícone da teledramaturgia. Quando atinge a meia idade, Mario resolve se arriscar nos palcos com uma nova releitura de Shakespeare. A empreitada acaba em um fiasco total.

Paralelamente o ator também vive um drama pessoal, o que coloca toda a sua vida em perspectiva.

“Entre o amor e o amor-próprio, sempre optei pelo segundo. Essa era a medida da minha pequenez de homem e intérprete.”

Com este novo trabalho, Fernanda se consagra a rainha da tragicomédia no Brasil. As situações inusitadas e absurdas da história chocam e garantem boas gargalhadas. A escrita de Fernanda é debochada, provocante e incrivelmente verdadeira. Fernanda acaba de adaptar “Fim” para uma série na Globo. “A Glória” poderia facilmente ganhar uma versão para a TV ou cinema. Queremos muito ver a trajetória do sedutor e errante Mario Cardoso nas telas.

A GLÓRIA E SEU CORTEJO DE HORRORES
Fernanda Torres
Ano: 2017
Páginas: 216
Preço: R$ 44,90 (ebook R$ 29,90)
Editora: Companhia das Letras

*Este post é uma colaboração de Lorena Machado, literatura-maníaca, social-network-maníaca e amiga do Papelpop. :)

Comentários

Topo