Menu Papel POP

Fifth Harmony: “Homens nunca são questionados se estão sendo muito sexy”

MAIS SOBRE:

Fifth Harmony está numa onda anos 90 na nova edição da Galore. As moças são a capa e o recheio da revista. Nas fotos elas aparecem em uma mistura de Spice Girls, TLC e Destiny Child.

fifth_harmony_1_galore

O que acharam da capa?

Na entrevista, Ally, Normani, Lauren e Dinah falaram sobre sexismo na mídia, crescer ouvindo girlbands – como Destiny’s Child, Spice Girls e Pussycat Dolls – e muito mais.

fifth-gallore

Quando um artista homem tira a roupa, geralmente eles são aplaudidos. Agora quando uma mulher faz isso, é taxada de vulgar – ou pior – e as moças do Fifth Harmony tem muito a dizer sobre isso.

“Quando “Work From Home” saiu, fomos questionadas algumas vezes: “vocês não acham que estavam com roupas sexy demais?”, contou Normani isso. “Isso aconteceu conosco durante toda a nossa carreira. Quando se trata de apresentações, as pessoas julgam nosso desempenho por nossas roupas. Eles diziam coisas como ‘olhe para o esquadrão da vadias’. Tem vários memes sobre isso”.

“Eu tenho certeza que os homens nunca são questionados se estão muito sexy. Na verdade, eles são glorificados quando estão sem roupa. As mulheres adoram essa merda, elas ficam: ‘Yeahhh! Você é tão gostoso’. Mas quando as meninas tiram as roupas: ‘Uau, ela é uma vadia’. E normalmente são meninas [que dizem isso]!”, disse Lauren.

fifth_harmony_3_galore

Sobre ódio e competição entre garota, Lauren e Normani também expressaram o que pensam disso.

“Apenas não façam isso”, disse Lauren. “É desnecessário e eu sinto que quase nos restringimos como mulheres. Poderíamos ser maiores do que somos se apoiássemos umas as outras, ao em vez de vermos uma competição. Todas nós poderíamos ganhar”, completou Normani.

fifth_harmony_4_galore

Mudando de assunto, elas falaram sobre girlbands. As meninas adoraram e ouviam todas! Afinal, Spice Girls, the Supremes, TLC são inspirações para qualquer grupo de garotas.

“Eu sei que todos nós crescemos ouvindo Destiny’s Child, Spice Girls, TLC, Pussycat Dolls e Danity Kane. “Buttons” é a minha música”, compartilhou a Normani. Já Dinah, gostava mais de Xscape – girlband de R&B popular nos anos 90.

“E é importante ter essas personalidades fortes abrindo caminho para nós. Sem elas fazendo o que fizeram pela música, e sendo nossa introdução, nós provavelmente não estaríamos!”, completou Normani.

Arrasaram na entrevista! Para ver mais fotos e ler tudo que elas falaram, acesse o site da Galore.

Comentários

Topo