Menu Papel POP

Sara Ramirez, de “Grey’s Anatomy”, reclama de preconceito a bissexuais em série da ABC

A atriz Sara Ramirez, a Dra. Callie Torres de “Grey’s Anatomy”, foi ao Twitter reclamar sobre o preconceito contra bissexuais na série “The Real O’Neals”, da ABC, mesma emissora de “Grey’s Anatomy”.

Em um episódio do seriado citado acima, o personagem Kenny O’Neal, que é abertamente gay, diz que ser bissexual era o mesmo que ter “problemas de dinheiro” ou “dedos palmados”.

the-real-oneals

Sara Ramirez é bissexual e interpretou uma personagem da mesma orientação sexual em “Grey’s Anatomy”, não gostou nada dessa piadinha na série. No Twitter, a atriz mandou um ‘alô, ABC, vamos melhorar’ e reivindicou pelos direitos da comunidade LGBT.

“As palavras importam. Por favor assinem a petição como protesto contra @ABCNetwork pela bifobia em @TheRealONeals. E como alguém que trabalhou para eles por 10 anos, francamente estou desanimada e decepcionada. Vou investir meu nome onde sou respeitada. Querida ABC, assuma a piada, a esclareça e empodere nossa jovem comunidade bissexual com reflexões positivas e precisas. Enquanto a resposta da @PFLAG foi ótima, cadê a resposta da emissora? A resposta do ator não foi suficiente para mim. A ABC estava na mesma sala”

Segundo o Daily Mail, em janeiro, Noah Galvin, intérprete do Kenny O’Neal, tinha se desculpado com alguns fãs que se ofenderam com a piada.

O ator, de 22 anos, é gay e disse que a piada foi criada para dar humor a um adolescente em pânico, expressando seu “medo mais profundo”, que era seu namorado deixando-o por uma menina.

“Me desculpe se ofendemos alguém. Eu espero que vocês saibam que nossa série luta pela visibilidade e inclusão, faremos melhor no futuro. MAS, também temos de nos lembrar, é uma comédia”, disse Noah na época.

A hashtag #SupportSaraRamirez foi um dos trending topics do Twitter nesta sexta-feira, com usuários demonstrando apoio à atriz. No entanto, a emissora ABC não se pronunciou sobre o ocorrido.

Comentários

Topo