Menu Papel POP

Os 14 clipes das músicas que tocam em “San Junipero”, episódio de “Black Mirror”

Ooooh baby, do you know what that’s worth? Ooooh heaven is a place on earth…” Já faz um tempinho que a terceira temporada da série “Black Mirror” estreou na Netflix, mas nós ainda estamos apaixonadíssimos por um episódio em particular: “San Junipero”, né, gente?

* “Black Mirror” faz site para avaliar pessoas igual ao episódio da série!
* Isso é muito “Black Mirror”: cientista está criando chip pra melhorar nossa memória

Uns dizem que finalmente a série teve uma história com final feliz; outros argumentam que não é bem assim. Independente das opiniões, dá para todo mundo concordar que a trilha sonora do episódio é incrível, não é? Dos anos 80 aos 2000, as músicas usadas deixaram “San Junipero” mais cativante ainda.

Por isso, nesse clima de nostalgia, listamos os clipes das 14 músicas principais tocadas durante o episódio (no final tem coisinhas extras, tá?) — vem curtir!

1) Heaven is a Place on Earth (1987) – Belinda Carlisle

Temos que começar com essa faixa. A Belinda Carlisle ficou famosa por ser integrante da banda The Go-Go’s; depois, quando entrou em carreira solo, também fez sucesso e muito disso é por causa de “Heaven is a Place on Earth”, certamente a música mais conhecida dela. Casou perfeitamente com o tema do episódio!

O que são essas pessoas segurando globos terrestres? Não é um pouco assustador? Hahahahaha!

2) C’est La Vie – Robbie Nevil (1986)

Talvez você não se deixe seduzir pelo rostinho do Robbie Nevil, mas que “C’est La Vie” gruda, ah, gruda meeeeesmo! Não à toa toca lá na baladinha da cidade de San Junipero; deve ser hit por lá!

Na vida (e cantando essa música) somos que nem a backing vocal do Nevil se jogando no refrão.

3) Walk Like an Egyptian – The Bangles (1986)

Essa canção do grupo The Bangles é perfeita para se dançar na pista só pelo fato da coreografia consistir basicamente em fazer as mãozinhas do Egito. Sabe, uma para a frente e outra para trás? Vamos deixar o clipe explicar, hahahaha!

E se tivesse uma cidade tipo San Junipero só que no Egito? Queremos.

4) Fake – Alexander O’Neal (1987)

Essa é a música que toca na cena em que a Kelly (Gugu Mbatha-Raw) tenta ensinar a Yorkie (Mackenzie Davis) a dançar. Não dá muito certo para a Yorkie, mas a gente com certeza mexeu os ombrinhos enquanto assistíamos ao episódio!

Se o Alexander O’Neal estivesse em San Junipero, essa performance super empolgada dele faria bastante sucesso por lá!

5) Girlfriend in a Coma – The Smiths (1987)

O clipe de “Girlfriend in a Coma” mostra cenas do Morrissey cantando sobrepostas a cenas do filme britânico “The Leather Boys”, de 1964.

Yorkie estava ouvindo essa música quando procura a roupa ideal para ir à balada e procurar a Kelly. A música toca bem rapidinho porque logo depois que Morrisey canta o título da faixa, a personagem desliga o rádio. Quem assistiu ao episódio com certeza pegou a referência!

6) Don’t You (Forget About Me) – Simple Minds (1985)

Cláaaaaaassica! “Don’t You (Forget About Me)” também toca na cena em que Yorkie fica trocando de roupas.

Ali nas televisões ficam passando cenas de “Clube dos Cinco”, filme que fez a música bombar. Não dá mesmo para esquecer dessa canção!

7) Heart and Soul – T’Pau (1987)

Mais uma da cena das roupas. Trivia: O nome desse grupo vem da série original “Star Trek” – T’Pau era uma vulcana (uma raça alienígena da mitologia do seriado). O Spock, por exemplo, era um híbrido de humano e vulcano.

“Heart and Soul” deve ser ótima para cantar em grupo nos karaokês!

8) Addicted to Love – Robert Palmer (1986)

O clipe de “Addicted to Love” foi dirigido pelo Terence Donovan, fotógrafo e diretor britânico, e fez o maior sucesso na época. A banda é formada de modelos que parecem ser idênticas, mas não são clones não, hahaha!

É a penúltima música da cena das roupas e a Yorkie está super chique no traje todo preto, mas acaba largando.

9) Wishing Well – Terence Trent D’Arby (1987)

É com “Wishing Well” que a Yorkie enfim escolhe a roupa para ir na balada e tentar encontrar a Kelly!

Para variar, a música gruda demais.

10) Living in a Box – Living in a Box (1987)

“Living in a Box” foi o maior sucesso do grupo britânico Living in a Box. Sim, todo mundo vivendo numa caixa…

…inclusive a galera de San Junipero.

11) Need You Tonight – INXS (1987)

Essa faixa bastante gente deve conhecer fora de “Black Mirror”! O clipe ganhou cinco VMAs em 88, incluindo vídeo do ano. Arrasaram!

Ótima para dançar que nem a Kelly faz no episódio!

12) Lean on Me – Club Nouveau (1987)

“Lean on Me” é na verdade do Bill Withers e lançada em 1972, mas o episódio usou a versão do Club Nouveau, que até ganhou um Grammy, que foi para Withers, de melhor música de R&B em 1987.

A faixa toca brevemente quando Yorkie vai à balada tentar encontrar Kelly uma semana depois de tê-la visto pela última vez.

13) Ironic – Alanis Morissette (1996)

Maravilhosa! “Ironic” toca logo depois da gente entender que o episódio não se passa exatamente nos anos 80, e sim que os personagens são capazes de transitar entre eras na cidade.

Não tem nem o que falar do clipe, né? É icônico assim como a música!

14) Can’t Get You Out of My Head – Kylie Minogue (2001)

Chegamos aos anos 2000 e em grande estilo: com Kylie Minogue!

A roupa branca que a Kylie usa nesse vídeo é maravilhosa e nós queríamos uma assim; imagina o hit que seria em San Junipero em 2001?

Para montar essa lista, nos baseamos na playlist que o criador da série, Charlie Brooker, fez no Spotify. “Something About You”, da banda Pixies, por exemplo, é bem curtinha e não tem clipe, então não está na lista principal.

A playlist não tem só músicas tocadas no episódio; também inclui faixas que Brooker queria ter colocado em “San Junipero”, mas por causa de direitos autorais (e outras razões) acabou não rolando. E tem algumas que, segundo ele, apenas inspiraram certos elementos da história.

Tem “What Have You Done For Me Lately”, da Janet Jackson:

“I Wanna Dance With Somebody”, da Whitney Houston:

“Open Your Heart”, da Madonna:

“Strangelove”, do Depeche Mode:

Um remix de “Professional Widow”, da Tori Amos:

E váaaaaaaaarias outras. Vale a pena ouvir!

Ah! No fim do ano passado foi liberada no Spotify a trilha sonora original (isto é, as músicas instrumentais) de “San Junipero”, composta pelo Clint Mansell. Corre ouvir também!

Comentários

Topo