Menu Papel POP

Nem com Britney? “X Factor USA” pode não existir mais por baixo desempenho

CATAPLOFT! É sério isso? Então nem a contratação de Britney Spears irá salvar o “X Factor” dos EUA?

Hoje, fontes ligadas à direção da FOX fofocaram para o site “The Examiner” que o desempenho da segunda temporada da atração não está satisfazendo as expectativas e que o programa pode não mais existir em sua versão norte-americana. Tudo porque o investimento não estaria trazendo os retornos financeiros esperados.

Será? Segundo o site, um dos grandes problemas seria exatamente a presença de Britney, considerada uma jurada fraca. Outros problemas apontados pelo Examiner são: Kloe Kardashian como apresentadora, candidatos fracos, má edição dos episódios, busca pela audiência adolescente feminina.

A gente tem uma opinião sobre isso: realmente escolher Kardashian pra apresentar não é uma boa, mas criticar a edição? Dizer que os candidatos são fracos? E dizer que Britney não funcionou? Ao lado de Demi, as duas refrescaram a fórmula, deixaram tudo mais fofo e menos frio fazendo desta edição do “X Factor USA” muuuuito melhor que a anterior.

Mas uma coisa é certa: o reality show de música do momento nos Estados Unidos é o “The Voice”, herdeiro natural do “American Idol”. É mesmo uma delícia o formato.

O “X Factor” foi criado por Simon Cowell e era um megasucesso no Reino Unido. No ano retrasado, Simon decidiu sair do “American Idol” para levar o “X Factor” para os EUA, mas não rolou uma audiência boa este ano. E pelo jeito não vai rolar mais “X Factor” nos EUA.

Ficamos preocupados.

Comentários

Topo