Menu Papel POP

Fotos e GIFs para contar o que rolou no “Grammy da Adele”!


Não teve pra ninguém! O Grammy 2012 foi da Adele!

A cantora britânica (agora mais brilhosa, mais magra e de garganta nova!) levou os prêmios mais importantes da noite pra casa. “Meu Deus! Isso é ridículo! Muito obrigada”, agradeceu Adele, totalmente emocionada, ao ganhar o álbum do ano pelo sucesso e competência de “21″.

Assista ao vídeo da performance dela antes que tirem do ar.

Lady GaGa não subiu ao palco nenhuma vez, mas foi a atração favorita da noite (pelo menos na internet!). Ela fez a diversão de todos. Inúmeros GIFs surgiam a cada instante para brincar com a cara da cantora. Piadas infinitas…

Teve Lady GaGa dançando, assustando Katy Perry… Hahaha!

Mais GIF! Rihanna, por exemplo, cantou com o Coldplay, mas o assunto mais comentado nas redes sociais era ela sendo flagrada comendo na plateia e fingindo que nada estava acontecendo… Hahaha!

O momento country que vale relembrar é a favelinha que Taylor Swift levou para o palco. E esse banjo dela? Serviu pra quê?

Outro momento desnecessário: Nicki Minaj e o exorcismo no palco. O que foi aquilo?

Por mais que a cantora seja sensacional e mega criativa, aquela apresentação foi a mais perdida e sem noção do Grammy. Nada combinava, nada fazia sentido. Eu acho que Nicki viu o filme “Filha do Mal” e resolveu fazer uma homenagem.

Filme tosco = apresentação tosca.

Deram um Grammy pro Chris Brown! Nem ele conseguiu acreditar nos bastidores! A gente fez essa mesma cara que ele fez em casa quando o prêmio foi anunciado.

Vamos combinar? Brown acha que é sub Michael Jackson, mas ele é um sub Usher. E devia agradecer porque já tá de bom tamanho.

Não foi o Foo Fighters, não! Foi a Katy Perry quem fez a apresentação mais rock n’roll da noite. A mulher estava com raiva ao cantar a letra de “Part of Me”, praticamente um “tapa na cara” do ex-marido Russell Brand.

Ela saiu da apresentação nos bastidores pisando firme e com cara de mau. Vixe…

Aliás, já tá na hora da gente mandar email pros velhinhos do Grammy e apresentar umas bandas novas pra eles… Não que Foo Fighters seja algo ruim de se premiar (muito pelo contrário!), mas que tal dar uma atualizada?

Bon Iver, por exemplo, existe há quatro anos e ganhou o prêmio de melhor artista revelação da noite. Hahahaha! Aliás, Nicki Minaj, que também está na “estrada” o mesmo tempo de Bon Iver, perdeu para os caras na mesma categoria.

Mas aí é querer exigir demais da premiação conservadora que…

… pede para Bruno MarsszzzZZzzZZz dar uma de James Brown numa das primeiras apresentações da noite. Ah, por favor, Tio Grammy!

Agora espera… Não posso terminar o post sem antes falar do momento mais esperado da noite: a apresentação impecável e linda de Jennifer Hudson homenageando Whitney Houston no Grammy ao cantar “I Will Always Love you”.

Dava pra ver como ela deu uma segurada para não chorar e estragar a homenagem…

Na foto ao lado, tirada anos atrás, a musa do soul/r&b dá as mãos para J-Hud após ela ter cantado a mesma música (vídeo aqui) anos atrás num tributo para Whitney. As divas eram amigas.

Ah! Uma última montagem boba da internet pra terminar o post…

Hahahaha! Quanta palhaçada… Adele nunca falaria isso pra ninguém e não existe competição entre as duas, certo?

Interessa alguém a lista completa de ganhadores?

GRAVAÇÃO DO ANO (INTÉRPRETE)
“Rolling in the deep”- Adele

ÁLBUM DO ANO
“21″ – Adele

MÚSICA DO ANO (COMPOSITORES)
“Rolling in the deep” – Adele

PERFORMANCE SOLO POP
Adele – “Someone like you”

PERFORMANCE DUO OU GRUPO
Tony Bennett & Amy Winehouse – “Body and soul”

ÁLBUM POP
“21″ – Adele

PERFORMANCE ROCK
Foo Fighters – “Walk”

PERFORMANCE HARD ROCK/METAL
Foo Fighters – “White limo”

MÚSICA DE ROCK
Foo Fighters – “Walk”

ÁLBUM DE ROCK
Foo Fighters – “Wasting light”

ÁLBUM ALTERNATIVO
Bon Iver – “Bon Iver”

MELHOR PERFORMANCE DE RAP
“Otis” – Jay-Z & Kanye West

MELHOR PARCERIA/RAP
“All Of The Lights” – Kanye West, Rihanna, Kid Cudi & Fergie

MELHOR ÁLBUM DE RAP
“My Beautiful Dark Twisted Fantasy” – Kanye West

MELHOR MÚSICA DE RAP
“All Of The Lights” – Kanye West, Rihanna, Kid Cudi & Fergie

MELHOR ÁLBUM DE R&B
“F.A.M.E.” – Chris Brown

MELHOR ÁLBUM COUNTRY
“Own The Night” – Lady Antebellum

MELHOR PERFORMANCE COUNTRY (SOLO)
“Mean” – Taylor Swift

MELHOR MÚSICA COUNTRY
“Mean” – Taylor Swift, songwriter (Taylor Swift)

MELHOR CLIPE
“Rolling In The Deep” – Adele

MELHOR CLIPE-DOCUMENTÁRIO
“Foo Fighters: Back And Forth” – Foo Fighters

ARTISTA REVELAÇÃO
Bon Iver

MELHOR ÁLBUM FOLK
“Barton Hollow” – The Civil Wars

MELHOR ÁLBUM DE BLUES
“Revelator” – Tedeschi Trucks Band

MELHOR ÁLBUM POP INSTRUMENTAL
“The Road From Memphis” – Booker T. Jones

MELHOR GRAVAÇÃO ELETRÔNICA
“Scary Monsters And Nice Sprites” – Skrillex

MELHOR ÁLBUM ELETRÔNICO
“Scary Monsters And Nice Sprites” – Skrillex/Atlantic

MELHOR ÁLBUM POP DE VOCAL TRADICIONAL
“Duets II” – Tony Bennett & Various Artists

Comentários

Topo