Menu Papel POP
famosos

jared leto quer que os blogs morram

Jared Leto, conhecido por sua atuação em “Réquiem Para Um Sonho”, “Alexandre” e como o eterno Jordan Catalano do seriado “My So Called Life”, é diferente de mim e de você.

Em entrevista para o portal de games G4 TV, o ator – que agora é vocalista da banda de glam-rock 30 Seconds To Mars – falou que quando costuma excursionar com os integrantes do grupo, não lê blogs de jeito nenhum. Por quê?

“Eu acho que blogs deveriam ter uma morte repentina. É ridículo. É como um playground para crianças de quatro anos de idade. Pessoas dizem e falam coisas em blogs que eles não fariam na vida real. É uma perspectiva falsa. É como comer doce demais”.

O jornalista (e blogueiro) do G4 achou interessante a colocação e continuou a conversa. Jared Leto, então, explicou porque não gostava de blogs. Pensa que ele acredita que o grande barato dos blogs é a cara democrática que eles têm, ao possibilitar que pessoas possam se expressar e se tornar, às vezes, vozes tão importantes quanto a de um jornal ou site de notícia? Nada disso.

“Os tempos mudaram. Antes, para ser um escritor, você tinha que ter experiência e talento. Tinha que aprender a fazer de verdade. Agora qualquer um com uma opinião acha que pode. A tecnologia está deixando pessoas terem acesso a coisas que antes era necessário certo talento e estudo para fazer”.

Ao final da entrevista, o papo com a banda virou um monólogo anti-blogs de Jared Leto que, acredito eu, não sabia que a entrevista cedida por eles seria, posteriormente, publicada no blog do G4 TV.

Sobre a utilidade dos blogueiros atuais, Jared Leto disse que eles só pensam em dinheiro e estão escrevendo somente para alimentar a pobre vida de internautas que não saem de casa.

“Às vezes, [o blog] é interessante, mas, na maioria das vezes os blogueiros estão somente querendo ficar famosos, fazer dinheiro, vender anúncios em dólar e continuar dopando essas pobres pessoas que ficam na internet o dia todo”.

Ao final da entrevista, o repórter/blogueiro se despede e diz que tem que “postar” a matéria logo no The Feed, o blog do G4, e fazer muito dinheiro às custas desses pobres coitados que ficam na internet o dia todo. “Suckers!”, escreve.

O que dizer de Jared Leto? Falar sobre a banda do ator é até fácil demais. Aliás, nem precisa ter talento, aprender ou estudar para ser um “escritor” para poder emitir uma opinião sobre o 30 Seconds To Mars. Basta ter um bom ouvido para saber que o som deles é um cocô, uma cópia barata do glam rock criado por Bowie e T.Rex.

Sobre a atitude non-sense do ator, não se poderia esperar outra coisa. O clima blasé de Jared Leto já foi sacaneado até pelo jornal New York Post, como conta o blogueiro arjanwrites.

Mas não critiquemos. Vai ver o ator-cantor não viu problema algum em desejar a morte dos blogs. Afinal, a banda dele não vende CD para nós, “pobre coitados” que vivemos na internet ouvindo música em computador, conhecendo bandas novas no myspace, vendo vídeos no youtube e trocando idéias em blogs.

O alvo principal do 30 Seconds To Mars não é também esse público adolescente da MTV e muito menos os leitores aficcionados por game e tecnologia do G4, portal para qual ele dava a entrevista. Deve ser os nossos pais e avôs, que estão acostumados com jornais de papel, LPs e nem sabem o que é um blog. Certo?

Que mico, hein, Jared Leto?

por Phelipe Cruz em 25/09/2006 5:33

Comentários

Topo